Falsa vencedora de loteria rebuliço em loja ao prometer presentes

Reprodução

R7
Cerca de 1500 incautos apareceram para receber casacos da falsa vencedora da loteria

Uma mulher anunciou ontem que iria doar parte de prêmio recebido da loteria não a amigos, mas a desconhecidos. Só que ela não tinha sido sorteada em premiação alguma. Mesmo assim, disse que iria pagar casaco para todo o mundo na loja de departamento mais cara de Columbus, em Ohio (EUA), a Burlington.

O anúncio da doação do prêmio ocorreu com pompa. Dentro de uma limusine, a moça usou um megafone para fazer a graça:

– Vou dar U$ 500 (R$ 900) em casacos a cada um de vocês – disse a desmiolada. Apareça aqui, na frente da loja.

Uma multidão de crédulos se formou para receber o dinheiro. Mais precisamente, 1500 pessoas – e 500 delas abarrotaram as instalações da loja. Muita gente já tinha separado seus casacos quando foi descoberto que a mulher não tinha grana nem para pagar o aluguel da limusine. Vendedores entraram em pânico quando começou o caos, com muita gritaria. A polícia foi chamada.

O motorista da limusine deixou o carro na porta, quando viu que a mulher tinha fugido após a travessura gigante, e deu no pé. Clientes conseguiram fugir com casacos na mão. A polícia prendeu três deles e conseguiu acalmar a multidão quando afirmou que a falsária tinha sido presa. O policial Michael Deakins contou que a mulher – seu nome não foi divulgado – sofre de problemas mentais e só queria chamar atenção. A assessoria de imprensa da loja disse que a direção não iria comentar o episódio.

Boninho dá dicas para entrar no BBB

Divulgação/TV Globo
Boninho

Anotou?

Estrelado (R7)

Quer ser o próximo integrante do reality show Big Brother Brasil 10? Então, fique atento às dicas que Boninho, diretor do programa global, posta em seu Twitter.

Primeira coisa: Não seja econômico ao contar sua história e seu perfil. E não exagere nas “firulas” em seu vídeo. Olha só o que Boninho escreve a respeito desses dois assuntos.

Vendo o material enviado, a galera não aprende, muita foto e música. Assim não temos como avaliar, essa galera já dançou! Muita gente grava dizendo que vai contar pra gente o resto na Cadeira. Como assim? Se não conta no vídeo, dança! Outra, que cinco minutos é muito pra falar… Como assim? Se sua vida tem menos de cinco de história, imagina 3 meses de casa!!!!

A arte gótica

Veja que o estilo gótico não é utilizado apenas pela tribo urbana de góticos, mas sim foi um estilo artístico muito importante para a história da arte.

No século XII, entre os anos 1150 e 1500, tem início uma economia fundamentada no comércio. Isso faz com que o centro da vida social se desloque do campo para a cidade e apareça a burguesia urbana.

No começo do século XII, a arquitetura predominante ainda é a românica, mas já começaram a aparecer as primeiras mudanças que conduziram a uma revolução profunda na arte de projetar e construir grandes edifícios.

ARQUITETURA

GOTICO1A primeira diferença que notamos entre a igreja gótica e a românica é a fachada. Enquanto, de modo geral, a igreja românica apresenta um único portal, a igreja gótica tem três portais que dão acesso à três naves do interior da igreja: a nave central e as duas naves laterais.

A arquitetura expressa a grandiosidade, a crença na existência de um Deus que vive num plano superior; tudo se volta para o alto, projetando-se na direção do céu, como se vê nas pontas agulhadas das torres de algumas igrejas góticas.

A rosácea é um elemento arquitetônico muito característico do estilo gótico e está presente em quase todas as igrejas construídas entre os  séculos XII e XIV.

Outros elementos característicos da arquitetura gótica são os arcos góticos ou ogivais e os vitrais coloridíssimos que filtram a luminosidade para o interior da igreja.

As catedrais góticas mais conhecidas são: Catedral de Notre Dame de Paris e a Catedral de Notre Dame de Chartres.

 

ESCULTURA

esculturagoticaAs esculturas estão ligadas à arquitetura e se alongam para o alto, demonstrando verticalidade, alongamento exagerado das formas, e as feições são caracterizadas de formas a que o fiel possa reconhecer facilmente a personagem representada, exercendo a função de ilustrar os ensinamentos propostos pela igreja..

 

PINTURA

pinturagiottoA pintura gótica desenvolveu-se nos séculos XII, XIV e no início do século XV, quando começou a ganhar novas características que prenunciam o Renascimento. Sua principal particularidade foi a procura o realismo na representação dos seres que compunham as obras pintadas, quase sempre tratando de temas religiosos, apresentava personagens de corpos pouco volumosos, cobertos por muita roupa, com o olhar voltado para cima, em direção ao plano celeste.

Os principais artistas na pintura gótica são os verdadeiros precursores da pintura do Renascimento (Duocento):

* Giotto  – a característica principal do seu trabalho foi a identificação da figura dos santos com seres humanos de aparência bem comum. E esses santos com ar de homem comum eram o ser mais importante das cenas que pintava, ocupando sempre posição de destaque na pintura. Assim, a pintura de Giotto vem ao encontro de uma visão humanista do mundo, que vai cada vez mais se firmando até ganhar plenitude no Renascimento.

Obras destacadas: Afrescos da Igreja de São Francisco de Assis (Itália) e  Retiro de São Joaquim entre os Pastores.

* Jan Van Eyck  –  procurava registrar nas suas pinturas os aspectos da vida urbana e da sociedade de sua época. Nota-se em suas pinturas um cuidado com a perspectiva, procurando mostrar  os detalhes e as paisagens.

Obras destacadas: O Casal Arnolfini e Nossa Senhora do Chanceler Rolin.

ILUMINURA

vitralIluminura é a ilustração sobre o pergaminho de livros manuscritos (a gravura não fora ainda inventada, ou então é um privilégio da quase mítica China). O desenvolvimento de tal genero está ligado à difusão dos livros ilustrados patrimônio quase exclusivo dos mosteiros: no clima de fervor cultural que caracteriza a arte gótica, os manuscritos também eram encomendados por particulares, aristocratas e burgueses. É precisamente por esta razão que os grandes livros litúrgicos (a Bíblia e os Evangelhos) eram ilustrados pelos iluministas góticos em formatos manejáveis.

Durante o século XII e até o século XV, a arte ganhou forma de expressão também nos objetos preciosos e nos ricos manuscritos ilustrados. Os copistas dedicavam-se à transcrição dos textos sobre as páginas. Ao realizar essa tarefa, deixavam espaços para que os artistas fizessem as ilustrações, os cabeçalhos, os títulos ou as letras maiúsculas com que se iniciava um texto..

Da observação dos manuscritos ilustrados podemos tirar duas conclusões: a primeira é a compreensão do caráter individualista que a arte da ilustração ganhava, pois destinava-se aos poucos possuidores das obras copiadas, a segunda é que os artistas ilustradores do período gótico tornaram-se tão habilidosos na representação do espaço tridimensional e na compreensão analítica de uma cena, que seus trabalhos acabaram influenciando outros pintores.

historiadaarte.com.br

Gordura para emagrecer

obesidade-grande

A obesidade é um problema em todo o mundo. No Reino Unido, quase 60% da população adulta tem sobrepeso, e 10% das crianças chegam à idade escolar já obesas. Além disso, problemas de saúde relacionados à obesidade custam até 16 bilhões de libras (aproximadamente 47 milhões de reais) aos cofres públicos.

 

Apesar disso, novas pesquisas sugerem que a gordura tem um papel importante no corpo humano: “As células de gordura produzem mais de 100 sinais químicos e hormônios”, afirma Paul Treyhurn, professor da Universidade de Liverpool, na Inglaterra. Além disso, cientistas da Universidade de Harvard, nos Estados Unidos, descobriram que talvez seja possível manipular a gordura corporal para que ela comece a nos fazer bem.

A gordura encontrada na barriga é considerada maléfica, pois aumenta o risco de doenças metabólicas, como a diabetes. Entretanto, a gordura subcutânea dos quadris e das coxas serve para nos proteger. “Se pudermos reprogramar a gordura de modo que ela tenha menos efeitos ruins, poderíamos nos livrar de algumas consequências da obesidade”, afirma Ronald Kahn, pesquisador da Harvard. Kahn fez uma pesquisa com ratos que mostrou que é possível transplantar a gordura “boa” na área abdominal, reduzindo os riscos das doenças relacionadas à obesidade.

A gordura como aliada para o emagrecimento

Outra descoberta é ainda mais importante para mudar o modo que encaramos e combatemos a obesidade: pesquisadores de Harvard descobriram que humanos adultos têm depósitos de gordura marrom, um tipo de gordura que queima muita energia, e acreditava-se ser encontrada apenas em bebês. Uma nova técnica de busca mostrou depósitos da gordura marrom no pescoço de pacientes.

“Sessenta gramas de gordura marrom podem queimar até 500 calorias por dia”, afirma Kahn, que também complementa que é muito difícil queimar tanta energia com exercícios. “Um pouco mais de gordura marrom seria benéfico para a perda de peso”, afirma o pesquisador.

A gordura marrom é composta com várias mitocôndrias, que servem para transformar açúcares em energia. O detalhe é que as mitocôndrias desse tipo de gordura são defeituosas, e liberam a energia como forma de calor.

Os cientistas acreditam que, ativando a gordura marrom em pacientes obesos, ou até aumentando a quantidade da gordura, a perda de peso pode ser facilitada. A equipe de Kahn descobriu que a substância BMP-7 pode ser utilizada para transformar células-tronco em gordura marrom. “Isso combinado com uma boa dieta e exercícios pode ter efeitos dramáticos”, diz Kahn.

Pesquisadores australianos também tentam encontrar alternativas para maximizar a gordura marrom em pacientes obesos. Eles descobriram mais gordura marrom entre os músculos, e, em experimentos com ovelhas, descobriram um hormônio que aumenta a temperatura corporal após as refeições, quando a gordura marrom é ativada.

Ian Clarke, do departamento de fisiologia da Universidade de Monash, na Austrália, acredita que a gordura marrom pode ser responsável por essa produção de calor. Acredita-se que, no passado, a gordura marrom servia como uma forma de aquecimento para os humanos. Em testes, foi provado que, em cômodos mais frios, as células de gordura marrom são ativadas. Os cientistas não têm certeza se diminuir a temperatura é um jeito eficiente para perder peso, mas, pelo jeito, a própria gordura pode ser uma resposta para esse problema.

Hypescience

Colômbia pedirá respeito à soberania em cúpula da Unasul

alvaro-uribe2BOGOTÁ – O governo colombiano disse nesta quinta-feira, 27, que pedirá respeito à sua soberania na cúpula da União de Nações Sul-americanas (Unasul), que, segundo disse, será uma “feliz ocasião” para falar de temas como a cooperação internacional, a corrida armamentista e a tolerância ao narcotráfico e ao crime internacional. “A Colômbia mantém um absoluto respeito pela soberania de outros países e exige o mesmo”, disse o ministro da Defesa, Gabriel Silva, na Base Naval ARC Bolívar, na cidade de Cartagena (norte).

O ministro visitou a base com um grupo de congressistas, aos quais explicou o acordo que permitirá ao Exército americano usar instalações militares colombianas. Segundo o governo colombiano, o pacto, que gerou polêmica em países como Venezuela, Equador e Bolívia, só deve ser temido por terroristas e narcotraficantes.

 Na véspera, o ministro da Defesa do Brasil, Nelson Jobim, que na terça havia se reunido com Silva em Bogotá, afirmou que o governo colombiano está disposto a dar garantias de que o acordo não afetará países terceiros.

 O pacto entre Colômbia e EUA é um dos assuntos que os participantes da Unasul debaterão nesta sexta em Bariloche (sul da Argentina). O presidente colombiano, Álvaro Uribe, participa do encontro para explicar o acordo. O chefe de Estado, porém, também quer que sejam discutidos na reunião outros pactos similares assinados na América Latina, assim como a corrida armamentista de alguns países vizinhos.

 O acordo entre Bogotá e Washington, que permite a soldados e assessores americanos terem acesso a sete bases militares em solo colombiano para operações contra o tráfico de drogas e o terrorismo, concluiu sua fase de negociação em 14 de agosto e está à espera da assinatura final dos dois governos. Uribe confirmou a presença na cúpula, mas a condicionou a que também sejam discutidos outros acordos de cooperação militar que alguns países têm com nações de fora da região.

 O governo de Álvaro Uribe deixou claro que o acordo não implica a instalação de bases americanas na Colômbia, mas o uso de instalações sob comando colombiano pelas forças dos EUA. Venezuela e Equador, assim como a Bolívia, rejeitam o acordo entre Colômbia e EUA. Outros países da região, como o Brasil, manifestaram sua preocupação, mas enfatizaram o respeito à soberania colombiana.

Estadão.com.br

Humor é um ato de agressão

coringa-grande

É bom ficar mais esperto com pessoas que fazem você dar risada. Segundo Helga Kotthoff, da Universidade Frieburg, Alemanha, o humor é um ato de agressão, pois fazer o outro rir confere um grau de controle que pessoas dominantes exploram para mostrar que estão no comando.

“Manifestar humor significa ter o controle da situação daqueles que estão em uma hierarquia mais elevada e isso é um risco para pessoas em condição menos elevadas, antes de 1960 as mulheres raramente faziam outras pessoas rirem – elas não podiam se dar ao luxo”, explica.

De acordo com Helga, comédia e sátira são baseados na agressividade e não são legais. “Até 1960 não era elegante para uma mulher ser engraçada. Mas até agora mulheres preferem contar piadas às suas custas e homens preferem contar piadas às custas dos outros”.

A diferença entre homens e mulheres na habilidade de ser tornarem comediantes começa muito cedo. Meninos entre a idade de quatro a cinco contam mais piadas, fazem brincadeiras e palhaçadas, enquanto as meninas só dão risada. Com o passar do tempo, a mulher passa a ser mais engraçada, pois se sente mais livre não sendo vista como dama.

Até a revolução sexual de 1960, mulheres raramente faziam comédia em público ou em local privado, porque o humor era um ato de agressão. “Um estudo no final de 1980 mostrou que homens usavam piadas de cunho sexuais como uma forma de despir verbalmente uma mulher que refutasse sua investida; o humor dele era agressivo na essência. Porém, ambos usam como forma de controle”, completa.

O estudo foi publicado no Journal of Pragmatics.

Hypescience

Trajes de cerimoniais africanos

Raras fotografias de vestimentas de ceremoniais africanos. Uma espécie de mistura de burkas e parafernália vudu, do qual desconheço a razão, mas ao que parece é um tipo de celebração ritual com o objetivo de botar medo. Diferentes modelos em uma galeria de fotos mais que surrealista.

fantasia_africana_01

fantasia_africana_02

fantasia_africana_03

fantasia_africana_04

fantasia_africana_05

fantasia_africana_08

fantasia_africana_10

Metamorfose digital

Bruxelas define grupos prioritários para vacinação

Os doentes crónicos com "sintomas mais severos" devem ser vacinados em primeiro lugar, recomenda a Comissão Europeia

Os doentes crónicos com "sintomas mais severos" devem ser vacinados em primeiro lugar, recomenda a Comissão Europeia

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Um comité de especialistas dos 27 países-membros da União Europeia adoptou esta terça-feira uma posição comum sobre os grupos a privilegiar nas campanhas de vacinação contra a Gripe A H1N1. Todas as pessoas com doenças crónicas, desde que tenham mais de seis meses de idade, as grávidas e o pessoal clínico formam os três grupos definidos pelo Executivo comunitário.

Apresentada pela Comissão Europeia, a proposta para a definição de grupos prioritários a vacinar no espaço comunitário dá agora lugar a um documento com a chancela de um conjunto de peritos dos 27. Trata-se, no entanto, de um roteiro não vinculativo, uma vez que cabe a cada um dos Estados-membros gizar a sua própria estratégia de vacinação contra o vírus H1N1.

Desde o início da pandemia – declarada a 11 de Junho pela Organização Mundial de Saúde -, foram diagnosticados 43.245 casos de Gripe A nos 31 países-membros da União Europeia e da Associação Europeia de Livre Comércio (EFTA). Um balanço da Comissão Europeia refere 93 novos casos de infecção detectados nas últimas 24 horas.

Os dados conhecidos sobre a progressão do vírus na Europa levaram os especialistas dos 27 a estabelecer três grupos para a vacinação. O primeiro inclui todas as pessoas com mais de seis meses de idade que sofrem de problemas crónicos de saúde, desde logo doenças respiratórias, cardiovasculares e todas aquelas que afectem o sistema imunitário. As grávidas formam o segundo grupo e o terceiro abrange o pessoal médico.

Os doentes crónicos com “sintomas mais severos” devem ser vacinados em primeiro lugar. “Logo que estes primeiros grupos tenham sido vacinados, a vacinação deve continuar até se atingirem os objectivos nacionais”, lê-se no comunicado da Comissão Europeia.

Especialistas estudam dados sobre casos mortais

A recomendação de Bruxelas surge no dia em que são conhecidos mais dados sobre a prevalência de casos mortais de Gripe A H1N1 nas pessoas com idades compreendidas entre os 20 e os 49 anos. Um estudo publicado na revista Eurosurveillance, do Centro Europeu de Prevenção e Controlo das Doenças, revela que mais de metade das mortes causadas pela nova variante do vírus da gripe, até meados de Julho, ocorreram em doentes com menos de 50 anos. A média é de 37 anos.

Uma equipa de peritos franceses debruçou-se sobre 574 dos 584 casos de morte associada à Gripe A H1N1. Problemas do foro metabólico como a diabetes e a obesidade aparecem destacados como “factores de risco particularmente importantes”.

Até 16 de Julho, 51 por cento dos casos fatais ocorreram em pessoas com idades entre os 20 e os 49 anos. Dezasseis mulheres grávidas sucumbiram ao H1N1, das quais oito apresentavam outros factores de risco como obesidade e doenças cardíacas ou respiratórias. No conjunto dos casos mortais, 12 por cento ocorreram em crianças até aos nove anos de idade e dez por cento em jovens dos dez aos 19 anos. Destes, 27 por cento não sofriam de qualquer doença subjacente, uma situação que se verificou em 22 por cento dos jovens adultos entre os 20 e os 29 anos.

“As pessoas idosas parecem, em certa medida, estar protegidas contra a infecção, talvez por causa de uma exposição anterior a surtos virais aproximados”, concluem os especialistas.

RTP – PT

Terapia celular pioneira – Primeiro transplante de células-tronco para tratar doença pulmonar é feito com sucesso no Brasil

Pesquisadores brasileiros acabam de realizar um feito inédito rumo ao uso

Corte de um pulmão atingido por silicose

Corte de um pulmão atingido por silicose

de terapias celulares para tratar doenças pulmonares. Um grupo da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) realizou com sucesso o primeiro transplante de células-tronco em um paciente com silicose, doença sem cura nem tratamento que causa insuficiência pulmonar e afeta cerca de 6 milhões de pessoas no Brasil.

A silicose é causada pela inalação do pó de sílica, um dos óxidos mais abundantes da crosta terrestre e que ocorre na forma de areia, pedra e quartzo, entre outras. As vítimas são na maior parte trabalhadores da construção civil, mas a doença afeta também empregados da mineração, do garimpo e de indústrias de transformação de minerais, metalúrgica, química, de borracha, de cerâmica e de vidro.

Ao ser inalada, a sílica vai para o pulmão, onde os macrófagos (células que englobam e digerem elementos estranhos ao corpo) tentam digeri-las sem sucesso e acabam destruídos. Esse processo causa inflamação e cicatrizes no pulmão, que, em um período de 20 a 30 anos, evoluem para insuficiência pulmonar grave e até a morte.

Paciente n.º 1
A equipe da UFRJ, coordenada pelo biofísico Marcelo Morales, do Instituto de Biofísica, iniciou na quinta-feira, dia 20 de agosto, a primeira fase de testes clínicos da terapia celular para a doença. O primeiro paciente recebeu um implante de células-tronco retiradas de sua própria medula óssea e injetadas diretamente no pulmão por meio de broncoscopia (em que um aparelho é introduzido no sistema respiratório pela boca do paciente).

“É o primeiro procedimento desse tipo no mundo e podemos considerá-lo um sucesso”, destaca o biofísico. As células-tronco implantadas foram marcadas com tecnécio, um elemento químico radioativo, o que permitiu aos cientistas verificar que elas permaneceram nos pulmões do paciente após o transplante.

Segundo Morales, todo o processo – da retirada das células-tronco ao seu implante no pulmão – foi realizado em um único dia no Hospital Universitário Clementino Fraga Filho, da UFRJ. “O paciente passa bem e no mesmo dia já estava comendo e falando”, conta o pesquisador, que recebeu a boa notícia durante a 24ª Reunião Anual da Federação das Sociedades de Biologia Experimental (Fesbe), realizada na semana passada em Águas de Lindoia (SP).

Morales ressalta que o Brasil é pioneiro no tratamento com células-tronco, mas passa hoje por uma nova fase de pesquisa. “Estamos voltados para entender os mecanismos de ação dessas células, de forma a podermos intervir e melhorar o seu uso.”

Novas etapas
Nas próximas semanas, a equipe vai repetir o procedimento – que envolve a injeção de 30 a 700 milhões de células-tronco – em outros nove pacientes com silicose. Os voluntários serão acompanhados por um ano para avaliar a segurança do método. Em uma próxima fase, 50 pacientes receberão o transplante para que seu estado clínico seja avaliado. “Mas só depois da terceira fase, em que acompanharemos mil pacientes de vários estados, poderemos verificar a eficácia da terapia em humanos”, diz Morales.

“Se tudo der certo e se continuarmos recebendo verbas, acredito que daqui a quatro ou cinco anos a terapia chegue à população”, prevê o pesquisador. Ele ressalta que o início dos testes só foi possível graças ao apoio financeiro da Faperj e do Ministério da Saúde.

O grupo espera que a terapia celular em humanos repita o desempenho obtido em testes in vivo. Experimentos feitos em ratos e camundongos durante cinco anos pararam a progressão da doença. “A silicose não tem cura nem tratamento, mas será possível impedir a evolução da doença e melhorar a qualidade e a expectativa de vida do paciente”, aposta Morales. E completa: “Esse estudo abre uma nova perspectiva para o tratamento de doenças respiratórias no Brasil, como a asma e a síndrome do desconforto respiratório agudo.”

Thaís Fernandes (*)
Ciência Hoje On-line

Russos criaram a street dance

O que estes historiadores não sabiam é que os russos já faziam este tipo de dança, um pouco menos acrobática, há centenas de anos. A street dance russa apenas mistura a dança clássica com acrobacia.

Para se ter uma idéia de que a dança dos russos se encaixaria perfeitamante nos moldes da street dance atual, basta colocar uma música eletrônica nas imagens de uma dança de soldados, que fica assim:

 

Metamorfose Digital

Gil Rugai recorre ao Supremo para continuar em liberdade

STJ revogou habeas corpus que garantia liberdade ao estudante de SP.
Ele é acusado de matar o pai e a madrasta em março de 2004.

 

Gil Rugai deixa a prisão em janeiro (Foto: Roney Domingos/G1)

Gil Rugai deixa a prisão em janeiro (Foto: Roney Domingos/G1)

A defesa do estudante Gil Rugai entrou com recurso na última quinta-feira (20) no Supremo Tribunal Federal (STF) contra decisão do Superior Tribunal de Justiça (STJ), que, na quarta (19), revogou o habeas corpus que garantia liberdade ao rapaz.

 

Acusado de matar o pai, Luiz Carlos Rugai, e a madrasta, Alessandra de Fátima Troitino, em 28 de março de 2004, ele deverá voltar para a cadeia a qualquer momento. A polícia de São Paulo informa que ainda não recebeu nenhum ordem judicial para prender o estudante porque ainda não foi notificada oficialmente da decisão do STJ. Outra possibilidade é Rugai se entregar.

Na tentativa de evitar que Rugai seja novamente preso, os advogados do estudante esperam que o ministro Joaquim Barbosa, relator do pedido no STF, atenda ao pedido de liberdade. A defesa argumenta que o tempo em que ele ficou preso, mais de 650 dias, excede o prazo legal de prisões provisórias. A data do julgamento de Gil Rugai ainda não foi marcada pelo Tribunal do Júri. 

STJ

 

No dia 10 de fevereiro, o ministro Arnaldo Esteves Lima, do STJ, havia concedido uma liminar (decisão provisória) que livrou Rugai da prisão. No julgamento do mérito do habeas corpus, na semana passada, porém, por 3 votos a 2 os ministros da 5ª Turma do STJ reformularam a decisão que garantia liberdade ao estudante.

Em janeiro, a defesa de Rugai entrou no STJ com o pedido de liberdade ao rapaz, que foi preso pela primeira vez no dia 6 de abril de 2004. O acusado chegou a ficar preso entre 2004 e 2006, mas teve a liberdade concedida pelo Supremo Tribunal Federal (STF).
Em 9 de setembro de 2008, no entanto, Gil Rugai foi preso em casa, na Zona Oeste de São Paulo, depois de ter o pedido de liberdade provisória revogado um dia antes a pedido do Ministério Público estadual, por ter mudado de cidade sem avisar o juiz. 

Diego Abreu

Do G1, em Brasília

Duplo benefício – Estudo com ratos mostra que exercício físico é capaz de reduzir ingestão de alimentos por obesos

Se você é daqueles que lutam contra a balança, saiba que agora há mais um bolamotivo para praticar exercícios. Além de promover o gasto de energia, a atividade física é capaz de diminuir a ingestão de alimentos por obesos.

É o que mostra uma pesquisa com ratos realizada na Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) e apresentada na 24ª Reunião Anual da Federação das Sociedades de Biologia Experimental (Fesbe), realizada de 19 a 22 de agosto em Águas de Lindoia (SP).

A descoberta é uma mudança de paradigma no que diz respeito à relação entre atividade física e obesidade. Até então, o exercício era visto somente como forma de promover o gasto de energia. O novo estudo, vinculado ao Instituto Nacional de Obesidade e Diabetes, mostra que o exercício tem um duplo benefício.

A obesidade, hoje considerada um problema de saúde mundial, provoca um processo de inflamação de baixa intensidade em uma região do cérebro chamada hipotálamo, que, entre outras funções, está envolvida no controle da saciedade.

Em um indivíduo saudável, o hipotálamo é sensível à ação dos hormônios insulina e leptina, que conseguem penetrar nesse tecido cerebral e aumentar a expressão de peptídeos (chamados anorexigênicos) que reduzem a ingestão de alimentos. Mas a inflamação faz com que o hipotálamo se torne resistente à ação da insulina e da leptina.

Uma forma de vencer essa resistência é o que descobriram o professor de educação física Eduardo Ropelle e seu orientador, o médico José Barreto, ambos do Laboratório de Investigação Clínica em Resistência à Insulina, da Unicamp.

O estudo feito por eles mostrou que a atividade física é capaz de reduzir a inflamação no hipotálamo de obesos e restaurar a sensibilidade dos neurônios dessa região à insulina e à leptina. Esse efeito contribui para a redução da ingestão alimentar e, consequentemente, do peso corporal. “Até hoje nenhuma terapia havia sido capaz de reverter a inflamação hipotalâmica”, comemora Ropelle.

Proteína anti-inflamatória

Para chegar a essa conclusão, a equipe submeteu 34 ratos magros e obesos a duas sessões de 3 horas de exercício com 45 minutos de intervalo entre elas. “Com apenas uma sessão de exercício, a ingestão alimentar dos ratos obesos foi reduzida aos níveis observados nos ratos magros”, conta Ropelle.

Em testes feitos com ratos magros e obesos, pesquisadores da Unicamp verificaram que bastava apenas uma sessão de 3 horas de exercício para que a ingestão de alimentos nos animais obesos diminuísse aos mesmos níveis observados nos animais magros

Em testes feitos com ratos magros e obesos, pesquisadores da Unicamp verificaram que bastava apenas uma sessão de 3 horas de exercício para que a ingestão de alimentos nos animais obesos diminuísse aos mesmos níveis observados nos animais magros

Segundo o pesquisador, esse fenômeno se deve à ação da proteína interleucina-6, produzida no hipotálamo em resposta ao exercício físico.

“Embora esta seja uma proteína inflamatória, dependendo do tecido do corpo, ela pode fazer a inflamação avançar ou reduzir”, explica Ropelle. No caso do hipotálamo, a interleucina-6 aumenta a produção de interleucina-10, que é uma proteína anti-inflamatória.

“O exercício é um modelo capaz de alterar localmente a interleucina-6”, explica o pesquisador. Para confirmar a ação dessa proteína, o grupo injetou-a no hipotálamo de ratos obesos e também observou a redução da ingestão alimentar. “A interleucina-6 mimetizou o efeito do exercício”, conclui Ropelle.

Não se iluda
Mas, se você não é muito chegado à atividade física e já está pensando na possibilidade de uma droga milagrosa que aumente a quantidade de interleucina-6 no hipotálamo, não se iluda. Ropelle esclarece que a proteína precisaria ser aumentada somente nessa região do cérebro – pois ela tem ação diferente em outros tecidos do corpo –, o que não é uma tarefa fácil.

Além disso, mesmo que a interleucina-6 pudesse ser direcionada ao hipotálamo, sua administração por via externa poderia afetar outras funções controladas por essa área cerebral, como a secreção de hormônios e a temperatura corporal. Portanto, mais do que nunca, o melhor remédio contra a obesidade é mesmo o exercício.  

Thaís Fernandes (*)
Ciência Hoje On-line

Depois de “O Diabo veste Prada”, Anna Wintour revela-se engraçada em documentário

Moda é uma religião e essa é a Bíblia. Assim se justifica o documentário The September Issue , dirigido por R. J. Cutler, que retrata o processo de produção da revista Vogue América e de sua diretora, a poderosa Anna Wintour. A pré-estreia ocorre nesta quarta-feira (19) em Nova York, com a aguardada presença de celebridades. A estreia será dia 28 na cidade e dia 11 de setembro em Los Angeles.

O nome faz referência à edição de setembro da revista Vogue americana,

Anna Wintour é a estrela de documentário que estréia nesta quinta nos EUA

Anna Wintour é a estrela de documentário que estréia nesta quinta nos EUA

considerada a mais importante do ano e que costuma ser a maior e a mais lucrativa. A edição de 2007 é a maior da história entre todas as publicações, pesou dois quilos e vendeu 13 milhões de exemplares.

A próxima edição da revista traz a atriz Charlize Theron na capa e tem 584 páginas. A de 2007 tinha 840 páginas, e a do ano passado, 798.

Cutler fez uma imersão no processo de criação da revista de setembro de 2007 e acompanhou Wintour e a equipe da Vogue em sessões de fotos, backstages de desfiles e até em reuniões a portas fechadas.

Segundo o cineasta, o documentário revela a visão íntima, engraçada e surpreendente de Anna Wintour e explora seu glamour intocável revelando sua personalidade apaixonada. Nada mal para quem já havia sido comparada ao diabo no livro e, posteriormente, no filme O Diabo Veste Prada , escrito por sua ex-assistente Lauren Weisberger, em 2003.

Wintour é inglesa e dirige a Vogue há 20 anos. Começou sua carreira em 1970 na Harper´s & Queen , em Londres, e seis anos depois se mudou para Nova York para ser editora de moda da Harper´s Bazaar , publicação da qual se tornou editora sênior em 1981. Em 1983, começou sua carreira na Vogue americana, interrompida em 1986 quando retornou à Inglaterra como editora da versão inglesa da revista, cargo que permaneceu até 1988, antes de assumir a diretoria da publicação americana.

O documentário também destaca o trabalho da diretora de criação da revista Grace Coddington e seu trabalho com Wintour em duas décadas. Grace substituiu Anna como editora de moda em 1988. Ela tem um livro publicado sobre 30 anos de moda na revista e outro sobre desenhos de gatos, chamado Catwalk Cats.

The September Issue foi indicado como melhor documentário no festival de Sundance e ainda não tem data de estreia no Brasil.

Michelle Achkar

H1N1? Conheça o terror da peste negra

peste_negra

 

Se a história da humanidade for analisada, veremos que não terá motivos para pânico com o surgimento dessa nova epidemia. Durante séculos, o mundo, principalmente a Europa, foi dizimada por uma pandemia que acabou com 1/3 da humanidade: A peste negra.

Um simples animal, mais especificamente os roedores, traziam consigo esta doença avassaladora, pois a bacetéria ficava com as pulgas do animal e, quando este morria, procurava novos hospedeiros.

Rattus rattus, a espécie responsável pela disseminação da peste durante a idade média.

Rattus rattus, a espécie responsável pela disseminação da peste durante a idade média.

 Devido a fatores religiosos muitos desacreditavam na medicina e por esse fator também a medicina era extremamente atrasada. A doença, não só essa, mas todas, era tratada como um reflexo do pecado, o que acabava agravando a situação do mundo com a peste.

Em sete dias, 90% dos casos começavam com febre alta, mal estar e os bulbos, que são protuberâncias azuladas na pele. São na verdade gânglios linfáticos hemorrágicos e inchados devido à infecção. Após isso, pelo sangue, vem os problemas pulmonares, onde a peste torna-se mortal em 100% dos casos não tratados.

morteA peste foi usada como arma biológica também. Turcos que morreram da doença eram catapultados para muralha da cidade adentro, gerando a epidemia do século XIV.

O Japão utilizou-se de pulgas infectadas contra prisioneiros de guerra e civis na região de Manchúria.

No tempo da guerra fria também foi desenvolvida uma bomba portando uma modificação da bactéria causadora da peste, a modo que esta fosse espalhada pelo ar como aerosol.

 

Por Roberto Frias

40 anos depois, 1º presidente diz que não imaginava ver Embraer como líder mundial

5962397_ozires_silva_e_frederico_curado_economia_166_248Há exatamente 40 anos, nascia a empresa que colocaria o Brasil no mapa da aviação mundial. Criada no dia 19 de agosto de 1969 pelo Decreto-Lei nº 770, a fabricante de aviões Embraer teve como seu primeiro diretor-superintendente (cargo equivalente à presidência) o engenheiro aeronáutico Ozires Silva, líder do grupo que projetou a criação da companhia então estatal. Em entrevista ao Último Segundo, Silva diz que a primeira diretoria não imaginava que a empresa atingiria o atual patamar, como terceira maior fabricante de jatos comerciais do mundo e líder global nos aviões de até 120 passageiros.

Formado pelo Instituto Tecnológico da Aeronáutica (ITA), Silva dirigiu a Embraer desde a fundação até 1986. Mais tarde, voltou para a cadeira da presidência no período da privatização da empresa, entre 1991 e 1995. “[Após a privatização], a companhia esticou sua musculatura e entrou com força no mercado externo”, avalia.

Na avaliação de Silva, a crise financeira global atingiu a Embraer ao enxugar a demanda no mercado externo. “Mais de 40% das vendas da Embraer vão para os EUA”, destaca. Para o ex-presidente, a demissão de 4,2 mil funcionários foi uma forma de “reduzir custos”. “A companhia não estava respirando o clima brasileiro e sim o americano, o seu principal mercado.”

Silva também presidiu a Petrobras e a Varig e foi Ministro de Estado da Infra-Estrutura. Atualmente é reitor da Unimonte. Confira a entrevista:

O senhor acompanhou a trajetória da Embraer desde a sua fundação. Em 1969, era possível imaginar que ela se tornaria uma das maiores do mundo no setor?

Não imaginávamos. A Embraer foi criada como uma companhia estatal, porque não conseguimos capitalização privada. Era desejo do governo que ela não fosse estatal, mas ninguém topou financiar uma empresa de fabricação de aviões com projeto nacional.

Durante o período de estatal a empresa conseguiu ir bem, produziu vários 5885355_embraer_40_anos_economia_240_249aviões, conquistou 40 mercados no mundo. Começou com o Bandeirante [primeiro avião fabricado pela Embraer], passou para o Brasília, e depois tivemos bastante sucesso com o Tucano. Até que chegou o final da década de 80, houve a crise internacional do transporte aéreo, o congelamento das poupanças feito pelo governo Collor, o BNDES interrompeu o financiamento de aviões. A Embraer ficou sem condições de financiar aviões porque avião não se vende à vista. O resultado foi que o governo acabou concordando em privatizar a companhia.

Privatizada, ela ficou mais fácil de dirigir, com menos restrições do que uma estatal e mais competitiva. De qualquer forma a Embraer teve uma trajetória de sucesso, mas não imaginávamos que atingisse esse porte. O clima para investir no Brasil não é favorável, as condições legais são sempre muito complicadas.

“O governo não queria que a Embraer nascesse estatal, mas ninguém topou financiar”

De que modo a privatização influiu na trajetória da Embraer?

As empresas estatais, tais como conhecemos, foram estabelecidas pelo governo da revolução [governo militar]. À medida que o tempo passa, nossa legislação tende a “acarunchar” [ficar velha] e o resultado para a Embraer foi uma crise no final da década de 80, quando o programa de privatização começou. O processo surgiu exatamente porque o governo se enrolou tanto na legislação que as empresas estatais perderam o poder de competição. A Embraer não foi exceção à regra, assim como a Vale do Rio Doce, a Usiminas e outras estatais que não conseguiram sobreviver sob administração governamental.

5885372_embraer_40_anos_economia_160_250Evidentemente, a Embraer teve sucesso como empresa estatal, mas o sucesso foi se arrefecendo, por força de práticas administrativas que restringiam a operação da companhia e a deixavam sem flexibilidade para atuar em um mercado dinâmico como é o internacional. A Embraer tinha tudo para crescer: tecnologia, produtos, equipes competentes, mas era amarrada pela legislação. Com o advento da privatização, a mudança foi da água pro vinho. A companhia esticou sua musculatura e entrou com força no mercado externo.

Hoje, 96% da receita da Embraer vem de exportações. A companhia foi voltada para o mercado externo desde a sua concepção?

Nas décadas de 30, 40, 50 e até mesmo nos anos 60, a inflação era um negócio sério e o Brasil não era um país competitivo. Todas as empresas que surgiam se dedicavam prioritariamente ao mercado interno. Não tínhamos a menor condição de competir lá fora com a desenvoltura com que atuavam sobretudo as empresas francesas e americanas.

O caso da Embraer, no entanto, foi diferente, porque montamos o programa mercadológico de uma companhia internacional, conscientes de que a demanda brasileira não seria suficiente para justificar uma produção de aviões no Brasil. Precisávamos da demanda externa também. Foi por essa razão que nós não fizemos nenhum avião sob licença, produzimos aeronaves com tecnologia nacional.

“A demanda interna não justificava a produção de aviões no Brasil. A demanda externa era necessária”

Nas crises de 1990 e de 2009 a empresa recorreu às demissões para se reestruturar – 4 mil pessoas no primeiro caso e mais 4,2 mil no mais recente. Há semelhanças entre esse dois momentos?

A semelhança existe. Nos dois casos a queda da demanda de aviões causou a crise. No caso da crise de 90, nós tivemos o crescimento da prática do terrorismo internacional nos aviões. Os aeroportos não estavam preparados para o nível de segurança que temos hoje. Houve uma quantidade enorme de ações terroristas, o que atemorizou os passageiros e, pela primeira vez desde a Segunda Guerra Mundial, o tráfico aéreo internacional e doméstico foi derrubado. Com a demanda sumindo, o número de aviões comprados caiu e as fabricantes se viram em dificuldades.

5964376_avioes_embraer_economia_187_249Na década de 90, só a Boeing demitiu 70 mil pessoas. Foi uma crise muito séria. Aqui no Brasil não foi diferente, porque as vendas da Embraer caíram, e ainda tivemos agravantes: o governo Collor decretou o congelamento da poupança. Fez também uma reestruturação no sistema de financiamento à exportação que demorou três anos para ser concluído, e a Embraer ficou sem financiamento para vender lá fora. A Embraer passou o começo dos anos 90 numa dificuldade enorme.

Em 2008, a crise financeira mundial começou nos EUA. Mais de 40% das vendas da Embraer vão para os EUA. A companhia não estava respirando o clima brasileiro e sim o americano, o seu principal mercado. Essa influência vez com que ela tivesse que se ajustar, cortar custos. Entre o corte de custos, a companhia lamenta muito, mas precisou fazer corte de pessoal.

“Mais de 40% das vendas da Embraer vão para os EUA, um dos países mais atingidos pela crise”

A aviação regional no Brasil ainda está em um patamar muito reduzido. Existe campo para desenvolvimento desse mercado por aqui?

O Brasil tem a mesma idade dos EUA, a mesma dimensão, e voa muito menos. No ano passado, nos EUA, o transporte aéreo transportou quase 900 milhões de passageiros. Nós transportamos 50 milhões de pessoas. Os EUA têm 280 mil aviões registrados. Aqui, temos 11 mil. Os números são muito díspares. Eu diria que o Brasil tem uma aviação muito menor do que a que ele precisa.

Por quê?

Atribuo esse fato às restrições governamentais. Nós não temos nenhuma lei que permita aeroportos públicos de administração privada. O setor privado não pode construir aeroportos. São Paulo precisa de um terceiro aeroporto e a iniciativa privada não pode construí-lo se quiser. Precisamos de uma desregulamentação do setor e admitir que a administração possa ser privada.

A Infraero não tem monopólio, administra 67 aeroportos. Mas os outros, em geral, são operados por prefeituras, e os privados são extremamente restritos. Nos EUA e na Europa é comum ter aeroportos privados. Não vejo por que o governo quer ficar em cima disso. Estamos diante de uma oportunidade incrível de crescimento. O avião é absolutamente necessário e traz de volta coisas muito importantes como tempo, segurança e conforto.

 

Marina Morena Costa, Último Segundo

O menor computador do mundo

A Compulab, uma empresa israelense, promete um salto de qualidade em relação ao design e tamanho na utilização dos computadores de mesa (desktops). O Fit PC2 que tem o tamanho de um modem adsl e com uma configuração: CPU Intel Atom Z530 1.6GHz, HD de 160GB SATA, WiFi 802.11b/g, Ubuntu Linux 8.04 e 1GB DDR2, pode custar em torno de 690 reais (359 dólares).

pc21

 

pc22

 

pc23

 

pc24

 

Metamorfose digital

80% das cédulas do Brasil têm vestígios de cocaína

cocaina_happy_new_year1

 

Cerca de 80% das cédulas em circulação no Brasil, sobretudo nos grandes centros urbanos, contêm vestígios de cocaína, segundo estudo apresentado no domingo em uma conferência da Associação de Químicos dos Estados Unidos. Esté percentual representa um aumento de cerca de 20% em relação a uma pesquisa similar realizada há dois anos.

Os pesquisadores analisaram notas que circulam em trinta grandes cidades de quatro países além dos Estados Unidos: Canadá, Brasil, China e Japão.

Os dólares estadunidenses e canadenses tinham os níveis mais altos de rastros de cocaína: entre 90 e 85% em média respectivamente, seguidos dos reais, com 80%. Os menores índices foram detectados nas cédulas chinesas e japonesas, 12% e 20%.

A elevada contaminação do dinheiro com drogas também é registrada em outros países. Um relatório realizado há dois anos por especialistas ingleses, mostrou que no Reino Unido praticamente todas as libras tinham rastros de cocaína: 99,9% das notas. Ademais encontraram restos de êxtase, heroína e maconha, ainda que em níveis bem mais baixos.

Com pesquisa e sem alarde – Iniciativa internacional aposta em estudos de toxicidade para desenvolver nanomateriais seguros

Um consórcio liderado por 14 pesquisadores de 11 instituições da Europa e Estados Unidos está empenhado em descobrir os potenciais efeitos adversos dos nanomateriais sobre o sistema imunológico. A ideia é encontrar, o quanto antes, alternativas para os compostos que tiverem algum grau de toxicidade à saúde humana.

Para realizar tal tarefa, o projeto Nanommune conta com uma equipe multidisciplinar de pesquisadores. Divididos em grupos de trabalho, eles estudam a síntese e a caracterização de diversas classes de nanomateriais e conduzem testes em culturas de células e em animais expostos a esses materiais.

Com base nos resultados, eles irão desenvolver protocolos para a análise da toxicidade em pesquisas nanotecnológicas.

NANOO projeto já tem vários estudos em andamento. Alguns deles confirmaram efeitos nocivos da exposição direta de ratos a nanotubos de carbono, apontados em pesquisas anteriores. Mas o objetivo não é apenas identificar problemas: a maior parte dos trabalhos publicados no âmbito dessa iniciativa aponta caminhos para se minimizarem os potenciais impactos negativos dos nanomateriais.

Exemplo disso é um estudo de Valerian Kagan e Alexander Star, da Universidade de Pittsburgh (EUA). Usando uma enzima derivada da raiz-forte (peroxidase), os pesquisadores conseguiram induzir a biodegradação de nanotubos de carbono. A partir desse resultado, eles buscam estratégias de controle da biodegradação de nanomateriais que possam levar à redução de seus efeitos tóxicos em seres vivos.

Já Bengt Fadeel e Alfonso Garcia-Bennett, do Instituto Karolinska (Suécia), publicaram recentemente trabalho mostrando que as partículas de sílica mesoporosa não são tóxicas para células do sistema imunológico (macrófagos). “Sugerimos, portanto, que esses materiais sejam utilizados em aplicações biomédicas, inclusive como veículos administradores de medicamentos ou de antígenos”, explica Fadeel, coordenador do Nanommune, à CH On-line.

Somar esforços
O caráter competitivo da ciência tende a levar à duplicação de pesquisas em diversas áreas. No caso da nanotoxicologia, no entanto, Fadeel defende a união de esforços entre países para que se conheçam os potenciais efeitos negativos dos nanomateriais ainda na fase inicial de desenvolvimento. “Se descobrirmos só depois que eles são de fato perigosos, isso afetará o desenvolvimento da área e a confiança da sociedade em novas tecnologias”, pondera.

O físico Marcos Pimenta, da Universidade Federal de Minas Gerais, concorda. Ele coordena o novo Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia de Nanomateriais de Carbono, que dará especial atenção às pesquisas nanotoxicológicas, ainda incipientes no Brasil.

“Essa é uma questão que nos preocupa. Temos que estudar bem esses materiais e encontrar maneiras de modificá-los no sentido de diminuir efeitos negativos onde eles existirem”, afirma o físico, que vê com bons NANO2olhos a colaboração entre grupos. “Nossa rede teria todo o interesse em participar de um esforço coletivo nesse sentido.”

Uma nova abordagem
Quando o assunto é risco e efeitos adversos, é comum haver um certo temor por parte da comunidade científica de que o botão de alarme seja acionado de forma irresponsável, criando na sociedade uma predisposição à rejeição de uma nova tecnologia, como aconteceu no caso dos organismos geneticamente modificados.

Para que o mesmo não ocorra com a nanotecnologia, Fadeel insiste que os cientistas divulguem os seus estudos de forma profissional, sem criar alarde infundado e sem fazer extrapolações irreais. Para isso, os parceiros do Nanommune se comprometeram a disseminar suas pesquisas ao público em entrevistas, oficinas, publicações e outros meios.

No Brasil, pesquisadores que trabalham na área começam a tomar consciência da importância de divulgar seus estudos, tendo eles resultados positivos ou negativos. “O alarde ocorre quando não há divulgação científica bem feita”, acredita Pimenta. “Temos que estudar os riscos e mostrar os resultados para que as pessoas não se baseiem em ficção científica”, completa, referindo-se ao livro Prey (“Presa”, em português), de Michael Crichton, que alarmou leitores em todo o mundo em relação à nanotecnologia.

Tanto Pimenta quanto Fadeel, que apresentou o projeto Nanommune na Conferência Mundial de Jornalistas de Ciência, realizada no mês passado em Londres, ressaltaram o importante papel a ser desempenhado pela mídia ao noticiar sem exagerar nem os benefícios nem os riscos de nanotecnologias emergentes.

Acampamento Nacional do MST realiza ato em defesa do petróleo

Os três mil integrantes do MST e de outros movimentos sociais que integram a Via Campesina fizeram um ato nesta segunda-feira (17/8) em defesa do petróleo e da soberania nacional, no Acampamento Nacional por Reforma Agrária, em Brasília.

 Também participaram da atividade trabalhadores petroleiros e o ex-diretor de Gás e Energia da Petrobras, Ildo Sauer, que integra o Instituto de Eletrotécnica e Energia, Programa Interunidades de Pós Graduação em Energia, Universidade de São Paulo (USP).
 
Os sindicatos de petroleiros, movimentos sociais e centrais sindicais fazem a campanha “O Petróleo tem que ser nosso”, que articula mais de 30 entidades na luta por uma nova Lei do Petróleo, que garanta o controle popular sobre as reservas brasileiras.
 
“Temos a possibilidade de nos tornar a maior potência petroleira do mundo e precisamos fazer uma campanha cívica em defesa do petróleo”, defende o integrante da coordenação nacional do MST, Joba Alves. O governo federal tem discutido internamente um novo marco regulatório para o petróleo, que deve ser anunciado ainda neste mês. “A discussão nos gabinetes nunca nos favoreceu. Só vamos enfrentar essa pressão com o povo na rua”, avalia Joba.

Sauer propõe que, antes de qualquer medida, o governo encomende um estudo para a Petrobrás sobre o local, a abrangência e a quantidade de petróleo existem no pré-sal, que até agora são desconhecidos. “Não dá para fazer um modelo sério para a exploração do petróleo sem saber quanto tem e onde está”.

 O ex-diretor da Petrobrás defende também o fim dos leilões de bloco de petróleo. “Não se leiloa mais nenhum pedaço do território brasileiro para tirar petróleo”, apregoa. Segundo ele, é preciso criar um fundo social soberano para garantir que os recursos levantados com a exploração do pré-sal sejam investidos nas áreas sociais. “O lucro do petróleo deve ir para um fundo constitucional para fazer a Reforma Agrária e as mudanças no Brasil”.
 O secretário de imprensa e comunicação da Federação Única dos Petroleiros (FUP), Marluzio Ferreira Dantas, acredita que o petróleo pode ser o início de uma grande luta pela soberania nacional. “O petróleo tem que gerar emprego e renda no nosso país, para o nosso povo”, defendeu. Para ele, todas as entidades devem fazer um esforço para convencer o povo a lutar para garantir o controle sobre o óleo negro.
 “Quem criou o monopólio estatal e a Petrobrás foi o povo na rua”, disse o coordenador-geral do Sindicato dos Petroleiros do Rio de Janeiro (Sindipetro-RJ), Emanuel Cancela. Ele destacou que “o MST e a Via Campesina são os maiores aliados nessa luta”.
 “O pré-sal pode resolver todas as mazelas do povo brasileiro, como a Reforma Agrária”, projeta Cancela. “Não podemos deixar que empresas multinacionais, que levaram o pau-brasil, o ferro e o ouro, levem o nosso petróleo”.
Sauer apresentou um histórico do desenvolvimento da sociedade, desde o tempo da caça e pesca, passando pelo feudalismo e pela Revolução Industrial, até chegar à Era do Petróleo.
 
“Não existe fonte de energia tão barata e com alto grau de lucratividade como o petróleo”, avalia Sauer. Segundo ele, a Petrobrás investe em torno de 10 dólares para tirar um barril de petróleo, que custa 70 dólares no mercado internacional.
 
“Há uma relação direta do controle de todas as formas de energia e o controle da terra”, explica Sauer. “Só há soberania com o controle da energia e da terra. Precisamos estar todos juntos para restaurar a dignidade do povo brasileiro e construir um país mais justo”.
presal.org.br

Os 10 exércitos mais fortes do mundo

Países fortes conjugam batalhões numerosos, altos orçamentos e armas de última geração

EUA1. Estados Unidos

Efetivo: 1 414 000 soldados

Gasto militar anual: 329 bilhões de dólares (1 138 dólares por habitante)

Armas nucleares: sim

Única superpotência militar depois do colapso soviético, os Estados Unidos são donos da mais poderosa esquadra do globo, que tem uma dúzia de porta-aviões gigantes, a maioria de propulsão nuclear. O país conta ainda com o maior arsenal nuclear e modernos armamentos operados por computadores e guiados por satélites

RUSSIA2. Rússia

Efetivo: 988 100 soldados

Gasto militar anual: 48 bilhões de dólares (333 dólares por habitante)

Armas nucleares: sim

O maior herdeiro da ex-URSS possui exército numeroso e pesquisa militar de ponta, mas tem poucos recursos para comprar equipamentos. A vocação por números astronômicos diminuiu: durante a Guerra Fria, a URSS chegou a ter 5,3 milhões de soldados – um recorde – e produziu mais de 70 mil tanques das séries T-54/T-55/T-62. Eles eram inferiores aos modelos ocidentais, mas podiam levar a melhor pela quantidade

CHINA3. China

Efetivo: 2 270 000 soldados

Gasto militar anual: 48 bilhões de dólares (37 dólares por habitante)

Armas nucleares: sim

O país mais populoso da Terra conta com bom número de armas nucleares e sempre teve Forças Armadas numerosas, mas o nível pouco sofisticado de sua indústria não permitia equipar as tropas com armas de última geração. Isso mudou recentemente: o salto econômico e a relativa abertura política das últimas duas décadas levaram a China a investir na modernização do arsenal

FRANÇA4. França

Efetivo: 260 400 soldados

Gasto militar anual: 38 bilhões de dólares (636 dólares por habitante)

Armas nucleares: sim

Para se proteger da ameaça comunista na Guerra Fria, os franceses criaram uma força nuclear própria com os três meios clássicos de lançar armas atômicas: mísseis em terra, em submarinos e em aviões. A indústria de defesa é uma das principais da Europa, produzindo tanques de ótima qualidade, como o Leclerc, e aviões clássicos como os das séries Mirage

uk5. Reino Unido

Efetivo: 210 400 soldados

Gasto militar anual: 35 bilhões de dólares (590 dólares por habitante)

Armas nucleares: sim

Até a Segunda Guerra (1939-1945), a Grã-Bretanha era a maior potência naval da Terra. Depois do conflito, a Marinha Real encolheu, mas ainda é uma das principais do mundo. O Exército sempre foi pequeno, mas é um dos mais profissionais do planeta, bem equipado com tanques, blindados de transporte de pessoal e uma parafernália de mísseis

CN6. Coréia do Norte

Efetivo: 1 082 000 soldados

Gasto militar anual: 4,7 bilhões de dólares (214 dólares por habitante)

Armas nucleares: sim

Assolado pela pobreza e pela fome, este país sustenta um dos estados mais militarizados do planeta. Envolvidos em disputas de território com a Coréia do Sul desde a década de 40, os comunistas do Norte contam com tropas numerosas com muito armamento convencional. Nas últimas décadas, o país desenvolveu tecnologia para produzir armas nucleares

India7. Índia

Efetivo: 1 298 000 soldados

Gasto militar anual: 13 bilhões de dólares (13 dólares por habitante)

Armas nucleares: sim

O segundo país mais populoso do planeta sempre esteve em briga com seus vizinhos muçulmanos. Hoje, o maior rival é o Paquistão, com quem disputa terras na região da Caxemira. As aguerridas tropas indianas estão entre as mais bem equipadas do Terceiro Mundo. Além de muitos soldados, a Índia tem armas nucleares e mísseis para transportá-las

PakistanFlag8. Paquistão

Efetivo: 620 000 soldados

Gasto militar anual: 2,5 bilhões de dólares (17 dólares por habitante)

Armas nucleares: sim

A maior potência militar muçulmana tem economia e população inferiores às da rival Índia, mas, para criar um “equilíbrio de terror” no sul da Ásia, o Paquistão também investiu em armas nucleares. Pouco se conhece sobre as armas atômicas ou sobre o tamanho do arsenal do país. Mas a existência da bomba dos dois lados da fronteira tem forçado Índia e Paquistão a uma convivência tensa – e “pacífica”, na medida do possível

coreia_bandeira9. Coréia do Sul

Efetivo: 686 000 soldados

Gasto militar anual: 12 bilhões de dólares (266 dólares por habitante)

Armas nucleares: não

Graças à proteção dos Estados Unidos, o país atingiu níveis econômicos, científicos e tecnológicos muito superiores aos do vizinho do norte. Por causa da crise com os comunistas, a Coréia do Sul mantém Forças Armadas poderosas em prontidão na fronteira, embora não tenha armas atômicas. O equipamento é de alta qualidade, comprado dos americanos ou desenvolvido localmente com ajuda ianque

bandeira-de-israel-37faf10. Israel

Efetivo: 161 500 soldados

Gasto militar anual: 9,4 bilhões de dólares (1 499 dólares por habitante)

Armas nucleares: sim

Pequeno e pouco populoso, Israel se envolveu em conflitos com os vizinhos árabes e resolveu se armar até os dentes. Para compensar a inferioridade numérica, os israelenses optaram por qualidade: suas tropas estão entre as mais bem treinadas da Terra, a Força Aérea dispõe de tecnologia de ponta e a experiência em combate fez o país desenvolver algumas das melhores armas disponíveis, como o tanque Merkava

Expressão Jovem – A opinião do jovem sobre a juventude

punksAo decorrer dos anos foi visto que os jovens cada vez mais querem ser reconhecidos pela sociedade “adulta”, uma sociedade onde todos são conhecidos pelo que são, e não por quem são, e mediante a estas circunstancias. Os jovens vem achando formas cada vez mais chamativas de se expressarem, contudo essas formas de expressão estão sendo totalmente ridicularizadas por esta tal “sociedade”, pois a forma de expressão encontrada é uma diversidade de grupos sociais onde algumas são até conhecidos por “gangues urbanas”. Esses grupos sociais são bem diversos, eles podem ser caracterizados pelo estilo de musica ouvido ou até por uma ideologia alheia,

London_Punks2um exemplos desses tipos de grupos são: Punks, Skinheads, Emos, Roqueiros entre outros, cada um com suas forma de se vestir e agir, porém será correto ou não se enquadrar em um desses diversos grupos para uma “Expressão Jovem”? Muitos desses grupos “Expressionistas” usam artifícios para se enquadrarem, alguns chegam até a usar violências para se demonstrarem parte de seu grupo, sem contar grupos que se envolvem com bebidas e às vezes até drogas!

Será que o jovem de hoje realmente se expressa? Na televisão muitas vezes nós vemos em jornais estes jovens sendo destaques de mídia, não é dito “tal jovem” espancou outro jovem, é exatamente dito: Jovem de (determinado grupo) assassina a pancadas brutalmente o jovem que era (outro determinado grupo), ou até um dito ”inocente”.

JOVENS1

O jovem esta esquecendo valores, esta esquecendo que para ser alguém não é necessário entrar em um determinado grupo, e sim mostrar uma atitude respeitável e que seja reconhecida, não só por outros jovens ou grupos, mas sim por todos!

O jovem de hoje tem certo excesso de liberdade por isso se torna tão banalizado, eles esquecem regras e condutas, algo que simplesmente esta sendo perdido de acordo com o tempo, um exemplo muito visto hoje é se uma mãe da um tapa no filho por desacato ou qualquer outro motivo merecedor, o filho simplesmente processa a mãe, se ele fica de castigo acusa a mãe de cárcere privado. É isto que esta acontecendo, essa é a tal “expressão jovem”, se acham independentes, mas ainda vivem embaixo do teto dos pais

 

Por Evandro Hengler

Autoridades israelenses oferecem um milhão de dólares para quem provar a existência de uma sereia

Ante os crescentes depoimentos que asseguram ter visto uma estranha criatura, as autoridades da pequena localidade de Kiryat Yam, ao norte da cidade de Haifa, oferecem um milhão de dólares a quem consiga demonstrar que a misteriosa personagem vive na costa da cidade.

sereia

Nos últimos meses vários moradores da área mediterrânea nos arredores de Haifa asseguraram ter visto no mar uma estranha criatura com aparência de mulher jovem.

As testemunhas afirmam que a suposta sereia dá grandes saltos na água e realiza piruetas no ar antes de voltar a submergir e desaparecer.

Os rumores levaram uma multidão de pessoas, com binóculos e câmeras, a visitar a localidade para espreitar o mar em busca da misteriosa personagem e, com um pouco ou muita sorte, conseguir a foto de milhão de dólares.

 

Metamorfose Digital

Pará anuncia primeira morte por “gripe suína”

BELÉM – A Secretaria de Estado de Saúde Pública do Pará (Sespa) anunciou nesta segunda-feira a primeira morte por “gripe suína”  no Estado. O primeiro caso de gripe no Pará foi detectado no dia 26 de junho de 2009. A Sespa confirma até esta segunda-feira 86 registros de “gripe suína” no Estado.

De acordo com a Sespa, a vítima era do sexo feminino, tinha 42 anos e era portadora de pneumopatia crônica e asma. Ela iniciou no dia 05 de agosto um quadro de febre, tosse, dispnéia, calafrio, dor de garganta, artralgia e mialgia.

A vítima foi atendida em ambulatório particular e, no dia 7 de agosto, encaminhada para internação. Dois dias depois, apresentou piora do quadro respiratório, sendo transferida para unidade de cuidados intensivos. O resultado do exame diferencial para Influenza foi liberado no dia 13 de agosto.

Rio de Janeiro

A secretaria estadual de Saúde do Rio de Janeiro confirmou nesta segunda-feira mais duas mortes provocadas pelo vírus da “gripe suína”. Com as novas vítimas – uma mulher de 53 anos que fazia tratamento contra câncer de mama e um menino de 7 anos que sofria de nefropatia -, subiu para 39 o total de mortes no Estado. Ambos encaixam-se na classificação de pacientes de risco do Ministério da Saúde.

Santa Catarina

Também nesta segunda a Secretaria da Saúde do Estado de Santa Catarina confirmou a primeira morte causada pelo vírus influenza A (H1N1), a gripe suína, no município de Lages. Com isso, sobe para nove o número de vítimas fatais da doença no Estado. O exame que confirmou o diagnóstico foi analisado pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz).

De acordo com a secretaria, trata-se de um homem de 42 anos que começou a apresentar os sintomas no dia 22 de julho, foi internado no Hospital e Maternidade Tereza Ramos no dia 25 de julho e faleceu dois dias depois. O paciente sofria de doença metabólica crônica, cardiopatia e hipertensão.

São Paulo

Em São Paulo, o município de São Bernardo do Campo, no Grande ABC, confirmou mais duas mortes por gripe suína, totalizando cinco óbitos pela doença na cidade, segundo a assessoria de comunicação da prefeitura. As vítimas, um homem de 50 anos e uma mulher de 25, faleceram no sábado com quadro de doença respiratória aguda grave. A mulher estava internada desde o dia 27 de julho e teve um filho uma semana antes da internação.

Já o homem, que estava internado desde 20 de julho, apresentava deficiência de resposta imunológica (baixa resistência) causada pelo uso de corticoide. O diagnóstico foi confirmado pelo instituto Adolfo Lutz.

 

Último Segundo

Nasa descobre substância para formação de vida em amostras de cometa

Cientistas da Nasa (agência espacial norte-americana) descobriram glicina, elemento fundamental para a formação de vida, em amostras do cometa Wild 2 trazidas à Terra pela sonda Stardust em 2006, revelou hoje o Laboratório de Propulsão a Jato (JPL) da agência.

“A glicina é um aminoácido usado pelos organismos vivos para produzir proteínas e esta é a primeira vez que é encontrada em um cometa”, afirmou Jamie Elsila, do Centro de Voos Espaciais da Nasa.

nasa

“A descoberta apoia a teoria de que alguns ingredientes da vida surgiram no espaço e chegaram à Terra por meio do impacto de meteoritos e cometas”, informou um comunicado do JPL.

Carl Pilcher, diretor do Instituto de Astrobiologia da Nasa, afirmou que a descoberta também respalda a hipótese de que os blocos básicos da vida abundam no espaço e que a vida no universo é mais comum do que se acredita.

Os resultados da investigação dos cientistas foram apresentados durante uma reunião realizada pela Sociedade Química dos Estados Unidos em Washington no fim de semana passado e serão publicados em breve pela revista “Meteorites and Planetary Science”, disse o JPL.

A sonda Stardust atravessou uma densa nuvem e gases que rodeavam o núcleo de gelo do Wild 2 em janeiro de 2004.

Desde o princípio, as análises revelaram a presença de glicina nas amostras. No entanto, por esse ingrediente existir na vida terrestre acreditou-se que a malha estava contaminada.

“Era possível que a glicina achada tivesse se originado durante a manipulação ou fabricação da cápsula”, explicou Elsila.

As novas investigações, porém, descartaram a possibilidade, após usarem a análise isotópica, acrescentou.

 

Folha Online

Cintura alta: essa moda pega?

Cintura Alta2

Lembra das calças baggys e semibaggys dos anos 80, com aquela cintura alta e pernas afuniladas? Se você ainda tiver uma guardada, pode ir tirando o pó da peça. A cintura alta esteve presente em quase todos os desfiles das últimas estações e muitas famosas, como Jennifer Lopez e Mischa Barton, já estão adotando.

Cintura Alta

A pergunta que rola no ar é: será que esta moda vai mesmo pegar? O porquê delas terem sido eliminadas do vestuário, ninguém esquece: a maioria das mulheres não fica bem com esta modelagem, já que ela achata o corpo e acentua os defeitinhos. Mas a cintura alta tem, sim, alguns trunfos, como alongar o corpo da mulher e deixá-la muito mais feminina e elegante.

Cintura Alta3

Em todo o mundo já tem gente circulando com saias, calças e vestidos marcando bem a cintura no lugar onde é a cintura, mas no Brasil a resistência pode ser um pouco maior, já que a cinturinha baixa valoriza muito o tipo de corpo das brasileiras, conhecidas pelo bumbum avantajado.

Cintura Alta4

Mesmo assim as lojas estão apostando. Fórum, Deisel e Triton já tem suas calças com a cintura lá em cima e a fila de espera por elas está grande. Se vai pegar no Brasil ou não, é cedo para saber, mas a tendência esta aí e tem muita gente correndo atrás. Se você estiver afim de andar na moda, já sabe: cintura no lugar da cintura e, de preferência, bem marcada!

Mas afinal, quem pode usar?
Como de costume, as bem magrinhas e com pouco quadril ficam super elegantes neste modelo. Quem está em forma também pode. Aproveite que a cintura alta alonga a silhueta! Já as mais cheinhas e com quadris largos devem tomar cuidado. Esta modelagem ressalta o bumbum e aquela barriguinha embaixo do umbigo.

Por Camila Tavares

Os dez piores psicopatas da história

Pessoas que matam por instinto, prazer, ou satisfação, você conhece as histórias terríveis desses indivíduos?

Aqui está a lista resumida dos dez piores assassinos que apavoraram ruas, cidades e bairros com seus atos extremamente cruéis.

1º Pedro Alonso Lopez (+ de 300)

 Pedro_Lopez_MonsterOfTheAndes_320x240

Teve uma infância terrível, filho de prostituta e expulso de casa aos 8 anos, foi recolhido por um pedófilo e sodomizado a força.

Agiu em três países da América do sul: Equador, Peru e Colômbia. Em 1978 já havia assassinado 100 meninas no Peru. Mudou-se para a Colômbia onde matava três vezes por semana.

2º Gilles de Rais (+ de 140)

 Gilles

Herói de guerra francês, século XV, atuando junto com Joana D’Arc na guerra dos cem anos (Inglaterra contra França), era expert em retirar ingleses da França. Tinha como seu principal alvo os meninos, onde eram sodomizados e depois decapitados. Em seguida ele masturbava-se sobre as entranhas de suas vítimas.

Foi enforcado e queimado simultaneamente.

3º Luis Alfredo Gavarito (140)

 luiz

Colombiano. Andava com um caderno em seu bolso, onde em 140 linhas estavam simbolizadas as suas vítimas.

Os corpos foram encontrados decapitados, com sinais de amarração e mutilação.

Depois de muitos homicídios, em 2000, ele foi preso, após acharem vários corpos, sendo condenado a 1853 anos de prisão.

4º Dr. Jack Kevorkian (130)

 

O Dr. Morte, EUA, em 26 de março de 1999 matou um homem doente com injeção letal e o filmou.

O Dr. Morte está envolvido em 130 suicídios assistidos desde 1990, este número faz dele o mais ativo serial killer dos EUA.

Disse em um julgamento, no qual representou-se sozinho, que não tinha mais nada a perder, pois restava-lhe pouca vida. 

 

5ª Delfina e Maria de Jesus Gonzáles (+ de 91)

 Dirigiam um Bordel na cidade de Guanajuato, México. Recrutavam prostitutas e as matavam. Mataram também clientes ricos. Após muitos desaparecimentos, a polícia achou 11 corpos de homens, 18 de mulheres e vários fetos. 

6º Elizabeth Bathory (+ de 40)

 

Condessa húngara, que inspirou muitos filmes e fãs de vampirismo. Ela matava suas vítimas para tomar banho com o sangue delas.

Diz-se que certo dia, sua serva a puxou o cabelo enquanto o escovava e foi espancada, após sentir o respingo de sangue em sua mão, ela pensou tê-la rejuvenescida, então passou a massacras servos em gaiolas de cravos e, em seguida, tomar banho com o seu sangue.

Um caderno encontrado revela 650 nomes que, supostamente, Elizabeth tenha matado para se banhar, entretanto não há registros jurídicos disto.

Morreu em um calabouço sem portas, sem janelas, após ser condenada.

7º Jane Toppan (+ de 31)

 jane

Nascida em Boston com o nome de Nora Kelly, 1854. Ainda era criança quando sua mãe morreu e seu pai, alfaiate, foi internado por tentar costurar seus próprios olhos para sempre.

Foi adotada pela família Toppan e teve uma vida normal até ser rejeitada pelo seu noivo, o que a levou a uma tentativa de suicídio.

Na escola de enfermagem passou a se interessar por autópsias, foi demitida depois que dois pacientes aos seus cuidados morreram misteriosamente.

Começou a trabalhar em domicílios e mesmo assim, seus pacientes morriam de forma misteriosa, com altas doses de morfina que causaram pelo menos 31 mortes.

8º Patrick W. Kearney (+ de 28)

 Patrick-Kearney-custody200

O mais importante assassino das estradas da Califórnia. Deixava suas vitimas desmembradas e lavadas em sacos de lixo ao longo das estradas.

Suas atividades iniciaram-se em 1957 e acabaram em 1977, quando viram seu pôster de procurados e se entregaram. Depois foram soltos por falta de provas.

9º Marcel Petiot (+ de 24)

 marcel-petiot

Agiu durante a 2ª Guerra mundial, onde passava-se por membro da resistência francesa e dizia que ia mandar os judeus para a América do sul. Eles então pagavam e Marcel os dava uma injeção letal dizendo ser vacina contra doenças tropicais. Enquanto morria, Marcel os observando-os morrer através de um pequeno buraco. Fazia isso em uma casa a prova de som. Em seguida incinerava os corpos.

Foi guilhotinado em 1946.

10º Bela Kiss (24)

 kiss

Serial killer húngaro. Suas façanhas foram imortalizadas pelo poeta surrealista Antonin Artaud. Em 1912, mudou-se com sua esposa para a vila de Czinkota. Sua esposa começa a ter um caso. Logo os amantes sumiram e Bela contou aos vizinhos que eles fugiram, logo depois adquiriu 55 barris de metal, alegando a iminente guerra. Em 1914, foi recrutado para a guerra, foi para o campo de batalha, onde morreu.

Em seguida, os soldados, precisando de gasolina, lembraram-se dos barris de Bela, então quando os soldados abriram os barris encontraram corpos conservados em álcool.

Bela chamava-se a si mesmo de Hoffman, colocava anúncios nos jornais descrevendo a si mesmo como solitário viúvo à procura de companhia feminina. Garroteava as mulheres e as colocava nos barris. Foram encontrados lá o corpo de sua mulher e dos amantes da mesma.

Por Roberto Frias.

Mecânico estaciona carro em garagem errada, e dona só descobre após 2 anos

audi

Planeta Bizarro

Um carro Audi que teria sido roubado de uma mulher de 82 anos há dois anos, em Hildesheim (Alemanha), foi encontrado na semana passada na garagem de seu vizinho. O veículo estava com uma espessa camada de poeira.

Segundo a polícia, a mulher tinha levado o carro para reparos há dois anos em uma oficina. Após o consertá-lo, o mecânico disse que havia estacionado o veículo na garagem da mulher.

Como não encontrou o carro, a mulher foi até a polícia e registrou queixa de que ele tinha sido roubado. No entanto, na última quarta-feira, quando seu vizinho foi limpar a garagem que não era utilizada, ele achou o veículo com uma camada de poeira.

Não demorou muito tempo para a polícia perceber que o mecânico tinha, na verdade, estacionado o carro na garagem errada.

Indiano tatua 6 bandeiras no rosto, mas quer chegar a 220 em todo corpo

Rishi já tatuou seis bandeiras em seu rosto --Índia, Reino Unido, Estados Unidos, Chipre, Canadá e a do Congresso indiano. (Foto: Reprodução/Metro)
Rishi já tatuou seis bandeiras em seu rosto –Índia, Reino Unido, Estados Unidos, Chipre, Canadá e a do Congresso indiano. (Foto: Reprodução/Metro)

G1

O indiano Guiness Rishi, de 67 anos, disse que vai tatuar 220 diferentes bandeiras em seu corpo, com o objetivo de entrar para o Guinness, livro dos recordes, segundo reportagem do jornal inglês “Metro”.

Rishi já tatuou seis bandeiras em seu rosto –Índia, Reino Unido, Estados Unidos, Chipre, Canadá e a do Congresso indiano. Ele destacou que seu objetivo é cobrir seu corpo com 220 bandeiras no prazo de três anos, o que deve custar cerca de 12,5 mil libras (R$ 39 mil).

De acordo com o periódico, Guinness Rishi já detém outros feitos – entre eles, adotou a pessoa mais velha do mundo (ele ganhou a custódia de um cunhado de 61 anos) e construiu a maior torre de pedras de açúcar.

Na verdade, “Guinness Rishi” não é seu verdadeiro nome. Ele se chamava Har Parkash, mas decidiu usar o novo nome por causa de sua obstinação em estabelecer novos registros.

Amantes ferozes mutilam pênis de garanhão

amantes_ferozes

Extraordinário

Era para ser apenas mais um encontro com uma de suas inúmeras amantes. Mas um americano de Wisconsin que traía a mulher terminou a noite amarrado, vendado e com o pênis colado na barriga. Wendy Sewell, Therese Ziemann, Michelle Belliveau e a mulher dele, Tracy M. Hood-Davis, apareceram no motel onde o garanhão havia marcado um encontro com uma delas, de acordo com reportagem divulgada pela agência de notícias Associated Press. Como forma de vingança, elas atacaram o traidor.

Tracy Hood-Davis (topo à esq.), mulher da vítima, participou do ataque ao próprio marido. Michelle Belliveau (topo, direita), amiga de Hood-Davis, e duas ex-amantes da vítima, Wendy Sewell (abaixo, esq.) e Therese Ziemann, também participaram do ataque. (Foto: Polícia do condado de Calumet/AP)

Na sexta-feira, ele encontrou Therese Ziemann no motel. Aceitou ser vendado e amarrado com lençóis. Quando ele estava indefeso, Therese cortou sua cueca com uma tesoura e chamou as outras por uma mensagem de texto. Enquanto elas chegavam, ele teve o pênis colado no corpo e foi agredido a socos e pontapés.

O homem disse depois aos investigadores que ela não tinha uma arma, mas que teria dito “Você sabe quanto eu quero para atirar em você?”. Ele começou a gritar e as mulheres correram com medo que ele pudesse machucá-las, levando ainda sua carteira, carro e telefone celular.

Depois do episódio, as quatro é que vão encarar punição, que pode chegar a seis anos de prisão. De acordo com os investigadores, todas elas, com exceção de Michelle, tinham envolvimento amoroso com o homem. Therese disse aos policiais que havia conhecido o homem pela internet, que se encontrava com ele havia dois meses e que emprestou dinheiro a ele. Ela descobriu pela mulher dele que o homem era casado e tinha várias namoradas – de quem ele pegava dinheiro.

Casal nigeriano é multado em R$ 310 por fazer sexo em igreja

Tolu e Bunmi foram multados após serem flagrados fazendo sexo em igreja. (Foto: Reprodução/HLN)

Tolu e Bunmi foram multados após serem flagrados fazendo sexo em igreja. (Foto: Reprodução/HLN)

G1

O nigeriano Tolu Akintepe, de 30 anos, e sua mulher Bunmi, de 28, foram multados em 117 euros (cerca de R$ 310) após serem flagrados fazendo sexo em uma igreja em Ikeja, subúrbio de Lagos (Nigéria), segundo o jornal belga “HLN”.

Eles foram pegos no ato pelo pastor de uma pequena igreja pentecostal em Ikeja. Além da limpeza do local, o pastor entrou com uma ação para que o casal pagasse uma compensação financeira (estipulada em 117 euros) pela profanação do altar.

Diante do juiz, Akintepe destacou que a relação amorosa do casal estava morna, já que eles estão casados há quatro anos. “Minha mulher estava sempre dizendo que queria tornar mais interessante a nossa vida sexual”, afirmou Akintepe.

O juiz advertiu Tolu Akintepe a ter mais respeito pelas instituições religiosas. Além disso, ele aplicou uma multa no casal, que se voluntariou para limpar a igreja por uma semana.

INCRÍVEL! Cavalo tenta saltar sobre carro e pisoteia o veículo. Veja o vídeo!

Extraordinário

Ao galopar em uma estrada israelense, um cavalo tentou saltar sobre um carro que vinha no sentido oposto e acabou pisoteando o veículo. Três cavalos estavam na rodovia, galopando na contramão. Com a aproximação do carro, os dois que estavam na frente desviaram, mas o terceiro – e maior deles – tentou pular. A cena foi registrada pelo passageiro de um carro que estava ao lado dos animais e publicada em veículos como o britânico “Daily Telegraph”. O carro teve o vidro dianteiro e o teto destruídos, mas tanto o cavalo quanto os ocupantes do automóvel escaparam sem ferimentos graves.

[YOUTUBE=http://www.youtube.com/watch?v=qzJT0jXMsc8&feature=player_embedded]

Flickr acaba de ganhar um novo sistema de buscas por imagens

flickr-buscas-550x403

Conheço o Flickr desde o seu lançamento e digo seguramente que é um dos melhores sites, serviços e comunidades da internet. Apesar de ser maravilhoso, ele tinha um pequeno problema que até hoje não havia sido resolvido: a busca por imagens. Mas isso mudou! :-D

A partir de hoje, com o redesign executado — que teve o foco na melhoria da experiência do usuário —, a busca por fotos e vídeos no site se tornou um processo menos penoso, que conta com diversas opções direto na página de resultados.

Agora, eles são separados por relevância, interesse e tempo de publicação, permitem ajustes pelo tamanho das imagens e fornecem detalhes sobre as fotos. Nas opções avançadas, é possível ainda filtrar por imagens licenciadas, grupos, tags, fotógrafos, etc.

Estou impressionado com esta novidade e espero que outras estejam a caminho. ;-)

Google lança galeria com 28 temas diferentes para o Chrome

Conforme esperávamos, o Google lançou hoje a sua galeria de temas para o Chrome. Apesar de ela requerer uma versão de desenvolvimento do navegador ou um build recente do Chromium para ter algum proveito, trata-se de um grande começo para a gigante de buscas levar o conceito de extensões a sério, e estimular designers e desenvolvedores a ampliarem essa galeria.

google

No momento, 28 estilos diferentes estão disponíveis para download, e você pode obter mais informações sobre cada um deles ao clicar nas imagens. Ou então clicar direto no botão “Apply Theme” e usá-lo de uma vez. Um arquivo é baixado para o seu computador e você precisa apenas clicar sobre na área de downloads e confirmar a instalação.

Voltar ao visual padrão é bem simples, pois um menu fica disponível nas preferências do aplicativo. A parte mais incômoda fica no momento que você decidir remover algum tema do seu computador: é preciso digitar o endereço chrome://extensions na barra do browser e selecionar na lista qual item desinstalar, mas não é algo muito intuitivo para o usuário.

Zezé Di Camargo está sem falar com o genro Marcus Buaiz

zezeO cantor sertanejo Zezé Di Camargo e o empresário Marcus Buaiz, marido de Wanessa Camargo, estariam brigados. Segundo reportagem do jornal “O Dia”, um dos motivos seria a retirada do sobrenome ´Camargo´ do nome artístico de Wanessa.

Já Buaiz não teria gostado de comentários feitos pelo sogro a respeito de Dado Dolabella, ex de Wanessa, que voltou à mídia por causa da participação dele no reality show A Fazenda.

Marcos Buaiz, que assumiu a carreira da mulher, disse que antes ela era mal gerenciada.

Clipe dirigido por Heath Ledger estreia na internet

Um clipe dirigido pelo ator australiano Heath Ledger, morto em janeiro de 2008, foi publicado nesta quarta-feira, dia 5.

Trata-se do vídeo para a música “King Rat”, da banda Modest Mouse. O material foi divulgado pelo Myspace do sexteto e mostra uma animação que levanta a questão da caça comercial ilegal de baleias na costa da Austrália, e foi concebido a partir de uma conversa entre Ledger e Isaac Brook, líder da banda americana.

Vencedor póstumo do Oscar de melhor ator coadjuvante por “Batman – O Cavaleiro das Trevas”, Heath deixou o vídeo inacabado, mas o projeto foi concluído pela empresa The Masses, que havia participado da elaboração do clipe.

Casal Obama é eleito um dos mais elegantes do mundo

obama

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, e sua mulher, Michelle, estão entre as pessoas mais bem vestidas do mundo, segundo a tradicional lista da revista Vanity Fair, publicada nesta terça-feira.

A edição deverá sair em setembro e une Barack Obama aos atores Brad Pitt e Daniel Craig, o último James Bond, numa lista de dez homens.

Já, Michelle Obama e Carla Bruni, mulher do presidente francês Nicolas Sarkozy, estão entre as primeiras-damas mais elegantes, segundo a revista.

No guarda-roupa de Barack Obama a revista destaca os ternos de Chicago Hart Schafner Marx, os sapatos de Cole Hann e os óculos de sol Ray-Ban 3217.

O prefeito de Nova York, Michael Bloomberg, a atriz Anne Hathaway e a princesa Letizia, esposa do príncipe herdeiro Felipe da Espanha, também foram lembrados pela Vanity Fair.

Sabrina Sato estaria namorando deputado Fábio Faria

sabrina satoUm novo casal pode estar surgindo na praça. A apresentadora Sabrina Sato estaria namorando o deputado federal Fábio Faria, ex da apresentadora Adriane Galisteu. O casal, por enquanto, prefere manter o relacionamento em segredo.
Além de seu envolvimento no escândalo das passagens no Congresso, Fábio Faria é conhecido pela fama de conquistador. Sabrina está solteira desde junho, quando terminou o namoro com Ernani Nunes.

Traficante é executado enquanto fazia as unhas em salão de beleza

Extraordinário

A Polícia Civil de Maceió, em Alagoas, divulgou o vídeo que revela detalhes da morte de Jairo da Silva Ferreira, de 24 anos, acusado de envolvimento com o tráfico de drogas na cidade. Jairo foi morto a tiros, dentro de um salão de beleza, na localidade José da Silva Peixoto, bairro do Jacintinho. As imagens do circuito de segurança do estabelecimento mostram que o suposto traficante fazia as unhas, quando levou três tiros na cabeça. Repare que o autor dos disparos chega ao local de bicicleta. Ele entra no salão, atira na vítima pelas costas e foge, pedalando.

Gato é salvo de banho quente em máquina de lavar roupa na Alemanha

gato_agua_quente

No momento em que foi o felino foi salvo, a água já tinha atingido a temperatura de cerca de 30º C. (Foto: Reprodução/Hannoversche Allgemeine)

G1

Um gato foi resgatado em Hannover, na Alemanha, de dentro de uma máquina de lavar roupa no momento em que a máquina estava com o ciclo de lavagem com água quente, segundo reportagem do jornal “Hannoversche Allgemeine”.

De acordo com os bombeiros, o felino entrou na máquina de lavar e passou a noite lá após a proprietária ter colocado as roupas no eletrodoméstico.

Sem perceber que o gato estava dentro, a dona ligou a máquina na última sexta-feira e escolheu a temperatura de 90º C para o ciclo de lavagem.

Mas, por causa do barulho alto, os filhos da mulher notaram algo estranho e descobriram que o bicho estava dentro da máquina. Eles chamaram os bombeiros, que chegaram em alguns minutos e conseguiram tirar o animal com vida.

No momento em que foi o felino foi salvo, a água já tinha atingido a temperatura de cerca de 30º C. O gato estava ileso, mas o porta-voz dos bombeiros, Martin Argendorf, disse que ele foi levado para uma clínica veterinária para realizar

Atriz pornô vai presa após agredir o marido por causa de roupa suja

Stormy-DanielsG1

A atriz pornô Stormy Daniels, de 30 anos, que pretende disputar uma vaga no Senado pelo estado de Louisiana, nos Estados Unidos, foi presa no mês passado após agredir seu marido porque não ficou satisfeita com o jeito com que ele lavou a roupa.

De acordo com o Departamento de Polícia de Tampa Bay, no estado da Flórida, Stormy, cujo nome verdadeiro é Stephanie Clifford, disse que não bateu intencionalmente em seu marido.

No entanto ela reconheceu que arremessou um vaso de plantas na pia da cozinha e atirou o álbum de casamento do casal no chão.

Ela foi levada para a cadeia do Condado de Hillsborough, sendo libertada após pagar uma fiança de US$ 1 mil.

Lei que aprova cobrança em cartão pode prejudicar cliente

cartaoO consumidor sairá perdendo se a Câmara aprovar a proposta de cobrança de preço diferenciado para quem usa cartões de crédito ou débito avalia a coordenadora institucional da Pro Teste (Associação Brasileira de Defesa do Consumidor), Maria Inês Dolci, em entrevista no programa da Rádio Bandeirantes, Bandeirantes Vai às Compras.

Pelo projeto aprovado pelo Senado antes do recesso, o comércio estará autorizado a cobrar uma taxa nos pagamentos feitos com cartão de crédito, diferenciando os preços em relação ao dinheiro e cheque.

Para Dolci, os descontos e as promoções têm que ser garantidos também para quem usa o dinheiro de plástico, como prevê o Código do Consumidor. Segundo Maria Inês, o Cade (Conselho Administrativo de Defesa Econômica) é um dos responsáveis pela fiscalização do setor de cartões e deve garantir que a concorrência seja mantida.

Internautas paulistanos temem fraude em compras pela internet

PC World

Uma pesquisa inédita encomendada pela Federação do Comércio do Estado de São Paulo (Fecomercio) aponta que 57% dos internautas temem fraudes em compras feitas pela internet. Feito com mil pessoas na capital paulista, o estudo foi divulgado na manhã desta segunda-feira (3/8) durante a abertura do Congresso Crimes Eletrônicos e Formas de Proteção, evento realizado na sede da Fecomercio  e que se estenderá até amanhã.

A pesquisa também constata que 76% dos entrevistados usam algum tipo de antivírus. Mesmo assim,  14% se disseram vítimas – ou têm alguém na família que passou pelo problema – de operações fraulentas realizadas pela rede.

“O índice de 14% pode parecer pouco, mas a disseminação de fraudes no comércio têm impacto muito maior”, diz o advogado Renato Opice Blum, presidente do conselho de tecnologia da informação da Fecomercio.

Entre as pessoas que enfrentaram problemas nas operações virtuais, 37% sofreram desvio de dinheiro de suas contas bancárias, 24% foram alvo de compras indevidas com uso de cartão de crédito e 19% tiveram seus dados pessoais utilizados de forma não autorizada.

Christian, ex-RBD, fecha contrato exclusivo com a EMI

Christian Chavez segue carreira solo com a EMI

Christian Chavez segue carreira solo com a EMI

O cantor Christian Chávez, integrante do extinto grupo mexicano RBD, assinou como artista exclusivo da EMI, segundo comunicado da gravadora à imprensa.

“A Emi Music prepara para seu lançamento um impactante álbum que dará a Christian o lugar que merece no cenário do pop mexicano”, informou a empresa.

O cantor, que ficou famoso por sua participação na novela “Rebelde” e com o grupo musical RBD, era um dos últimos integrantes que não tinha definido seu futuro após a dissolução da banda. Dulce María e Maite Perroni protagonizam novelas e Alfonso Herrera fez vários filmes.

Antes de decidir continuar cantando nos palcos, Christian fez uma participação no teatro com o musical “Avenida Q.” e duas participações especiais na peça mexicana “Hoy No me Puedo Levantar”.

Faculdades de medicina precisam de corpos

Esqueletos expostos no Museu de Anatomia da Universidade Federal de São Paulo

Esqueletos expostos no Museu de Anatomia da Universidade Federal de São Paulo

Por Karina Gomes, eBand

O número de cadáveres disponíveis para ensino e pesquisa nas faculdades de medicina do país poderia ser maior. Os corpos estudados são aqueles não-reclamados por familiares ou amigos (geralmente, de moradores de rua) ou corpos de pessoas que, em vida, assinaram um termo de doação do cadáver para ensino e pesquisa.

De acordo com o diretor do SVO (Serviço de Verificação de Óbitos), Carlos Pascualucci, a quantidade de corpos recebidos pelo órgão tem diminuído por uma questão sociológica. “A migração a São Paulo pode ter diminuído. Há também mais facilidade de moradores de rua terem contato com familiares e um núcleo de amigos”, afirmou. O SVO é um órgão da USP (Universidade de São Paulo), localizado no bairro das Clínicas em São Paulo, responsável por receber os cadáveres e distribuí-los às faculdades de Medicina da capital, além de encaminhar corpos de doadores à Faculdade de Medicina.

Em 2008, chegaram ao SVO 42 corpos, 37 não-reclamados e cinco de doação. Neste ano, foram 14 e dois doados. A estimativa é que o número de corpos recebidos chegue a 35. “É muito pouco. O ideal seria chegar à casa das centenas”, disse Pascualucci. O incentivo à doação espontânea do corpo em vida amenizaria essa falta. “Enquanto não se criar uma cultura de doação de corpos no país, essa falta irá aumentar. É importante frisar a necessidade de a família atender o desejo do doador”, afirmou.
Para ser doador, deve-se procurar a instituição à qual deseja entregar o corpo após a morte e assinar um termo de doação lavrado em cartório. O documento fica arquivado na faculdade. A instituição só saberá da morte do doador se for avisada pela família ou amigos. “O número tem caído, a saída é a doação”, afirmou o diretor.

Os cadáveres encaminhados do SVO à Faculdade de Medicina da USP são utilizados por 10 cursos. Os corpos também são levados a faculdades que solicitem remessas. A Faculdade de Medicina do ABC, em Santo André, recebeu do SVO neste ano três corpos. “O número ainda é pouco. Por isso, precisamos de doadores. Se utilizados com freqüência, os corpos irão se tornar inutilizáveis em pouco tempo”, disse a advogada Maria Medeiros do Departamento Jurídico da Faculdade do ABC.

As instituições devem seguir etapas burocráticas transparentes definidas na Lei nº 8.501/92. “A lei está se tornando prática e, de um modo geral, atualmente todo o Brasil está respeitando-a”, afirma Ricardo Luiz Smith, vice-reitor da Unifesp (Universidade Federal de São Paulo.

Procedimentos

Ao receber o corpo do SVO, a faculdade deve publicar em 10 dias alternados um edital de falecimento em jornal de grande circulação durante um mês. Se o corpo não for reclamado neste período, poderá ser utilizado pela faculdade. “O objetivo da publicação é fornecer a maior quantidade possível de dados para facilitar a identificação por um parente”, afirmou Medeiros.

O procedimento da lei para as questões administrativas custa caro. A Unifesp gasta em torno de R$ 3.000, sem contar os processos internos, como a manutenção do cadáver. “Estuda-se, faz-se pesquisa e isso não dá pra colocar em dinheiro porque o estudo de cadáver é essencial”, disse o vice-reitor da Unifesp.

Doação espontânea

“Muitas pessoas ligam e perguntam: ‘se eu doar o meu corpo, eu posso fazer uma cirurgia plástica de graça?’. Eu explico que isso se caracteriza como compra de cadáver e essa ação é criminosa”, contou a advogada Maria Medeiros da Faculdade de Medicina do ABC.

“Recebemos doações de médicos, engenheiros e biólogos, mas, geralmente, a família doa o corpo do parente depois da morte, por vários motivos, entre eles, não ter gastos com funeral, desejo de contribuir para o progresso da ciência, entre outros”, explicou o vice-reitor da Unifesp, Ricardo Smith.

O tempo de espera para o recebimento destes corpos aumentou, devido ao aumento da expectativa de vida. Segundo Mariliza Ottani, responsável pelo recebimento de doações na Faculdade de Medicina da USP, a média de idade das pessoas que se interessam pela doação é de 55 anos. “Geralmente são pessoas que passaram por algum susto, como a morte repentina de alguém próximo, por exemplo”, diz. “Quando você doa o corpo é para a evolução da ciência, para formar médicos que cuidarão melhor dos seus netos, dos seus bisnetos, dos seus descendentes“, explicou Maria Medeiros, da Faculdade de Medicina do ABC.

Air France vai leiloar os assentos do maior avião da história

airbus-a380

eBand

A companhia aérea Air France vai leiolar assentos nos dois primeiros voos do Airbus A380, o maior avião comercial de passageiros da história.

Os voos inaugurais do A380, comprado pela Air France, serão nos dias 20 e 21 de novembro, nas rotas Paris – Nova York e no sentido inverso.

A renda obtida no leilão dos assentos será revertida para três projetos sociais, mantidos pela companhia aérea. A Air France informou que mais detalhes sobre a venda pública serão anunciados em outubro, pela internet. O Airbus A380 tem capacidade para 853 passageiros.